Saúde orienta cuidados com animais peçonhentos

No ano de 2019, Cascavel registrou 188 acidentes desse

Em 2019, a cidade de Cascavel registrou 188 acidentes com animais peçonhentos. Os dados são referentes aos cidadãos que procuraram atendimento médico nas unidades de saúde do Município no ano passado. Para que esses acidentes não se repitam, a Secretaria de Saúde, por meio da Divisão de Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental, reforça alguns cuidados que os cascavelenses precisam ter para evitar se deparar com cobras, aranhas e escorpiões.

De acordo com a médica veterinária da pasta, Paula Costa Lis, os cuidados são básicos e estão diretamente ligados à higiene do ambiente. “A orientação é a organização do quintal, o que inclui retirar entulhos, restos de materiais de construção e não deixar o lixo orgânico espalhado, pois atrai inseto, justamente o alimento desses animais peçonhentos”, detalha, reforçando que o mesmo cuidando também vale para o combate ao mosquito da dengue.

Em Cascavel, os principais casos de acidentes são referente à aranha-marrom, ao escorpião amarelo e alguns casos isolados de cobras.  Quando ocorre um acidente, é importante levar o animal que o causou junto à unidade médica, para que o profissional possa ter o melhor diagnóstico, visto que o Município tem soros para cada tipo de peçonhento. No entanto, é preciso bastante cautela para realizar essa coleta do animal de forma segura. “É imprescindível não tocar diretamente no animal. Se possível, coloque um recipiente em cima dele para não entrar em contato com o animal e pegá-lo”, detalha a médica, lembrando que também uma foto do causador já é o suficiente.

O cidadão que coletar o escorpião amarelo em sua casa também pode acionar a Divisão de Vigilância e Saúde Ambiental pelo número (45) 3902-1769, para que seja desencadeada uma ação de busca, uma espécie de varredura na área para verificar se há mais da espécie no local. Somente no ano passado, 44 atendimentos de orientação e busca/coleta foram realizados em Cascavel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *