Projeto permite que SAMU e SIATE levem pacientes diretamente a hospital privado

Foto: Marcelino Duarte/Assessoria de Imprensa/CMC

Projeto permite que SAMU e SIATE levem pacientes diretamente a hospital privado

Aprovado nesta terça-feira (29) em primeiro turno de votação, o Projeto de Lei nº 75/2019 define como direito do cidadão de Cascavel, atendido pelo SAMU ou SIATE, de ser encaminhado diretamente para a rede hospitalar privada. A proposição, de autoria do vereador Rafael Brugnerotto (PSB), recebeu os votos favoráveis de todos os presentes à sessão.

O parlamentar defendeu seu projeto na tribuna, argumentando que o mesmo não possui vício de iniciativa e que na verdade ajuda na melhoria da saúde pública. “Ao permitir que o paciente ou sua família decida que o transporte seja feito a um hospital privado de sua escolha, na verdade estamos liberando leitos na rede pública”, disse Brugnerotto. Atualmente, o SAMU e o SIATE só podem levar os pacientes nas unidades de saúde vinculadas ao SUS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *