PARA QUE VEIO JESUS

“… E o Filho de Deus veio para isto: para destruir o que o diabo tem feito.”

(1Jo.3:8b)

“Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar quem está perdido.”

(Lc. 19:10)

Muitas pessoas e até crentes fiéis pensam que a grande luta do Universo é entre Deus e o diabo. Nada disso. Deus não conhece adversário. Não há nada no Universo inteiro ou fora dele que possa se opor a vontade de Deus. Ninguém pode impedir o Senhor de realizar seus planos (Jó 42:2). Portanto, bastaria um simples sopro da boca dEle para destruir satanás e seus demônios. Entenda, pois, que a luta que se trava aqui é entre o homem e o diabo. Portanto e como os seres espirituais de malignidade são mais fortes que os seres humanos, seria necessário que surgisse um homem de carne e osso para derrotar este perverso e poderoso inimigo. E como os descendentes de Adão em milhares de anos não conseguiram esse feito, pois a morte, filha do diabo, ganhava por fim todas as disputas com o ser humano, Deus providenciou um Homem, na verdade seu próprio Filho, para realizar esta tarefa. Então nasceu Jesus, um ser humano que mostrou ser capaz de derrotar completamente o projeto de morte do diabo e a ele próprio, embora tivesse que pagar um alto preço, um preço enorme, na verdade um preço infinito: sua própria morte.

Há pouco mais de 2.000 anos este plano entrou em sua fase final. Havia chegado o tempo exato (Gl. 4:4-5) do Messias realizar o plano de vir buscar e salvar o ser humano perdido em seus dramas e pecados. Assim, o Ser Humano preparado por Deus viveu entre nós por 33 anos, sendo em tudo igual a nós, menos no pecado. Nesses poucos anos uma multidão incalculável o viu pregar a boa nova do Evangelho anunciando que Deus agora nos aceita pela graça do seu amor, e em meio a sinais e maravilhas onde curou a todos que lhe suplicaram este benefício, acalmou o mar e ressuscitou mortos, estendeu a salvação a judeus e gentios igualmente. Por fim venceu a própria morte quando ressuscitou para nunca mais morrer, estendendo este incrível benefício a todos aqueles que cressem em suas promessas e incorporassem pela obediência seu estilo de vida. Mil glórias ao seu amado Nome.

IGREJA ANGLICANA EM CASCAVEL

Rev. Luiz Souza de França

Reescrita pelo Rev. Marialvo Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *