MST continua “na mira”

Deputado Coronel Lee segue na batalha contra as invasões do MST no Paraná

Em viagem pela Região Oeste do Paraná em encontro com seus apoiadores, o Deputado Estadual Coronel Lee acabou indagado sobre a atual situação do MST no estado paranaense, após a grande Audiência Pública em agosto do ano passado, cujo apoio e repercussão ainda tomam as rodas de conversas.
O deputado relatou como está a situação atualmente. “Fizemos aquela audiência pública como forma de pressionar, porque é exclusivo do Poder Executivo poder colocar as forças de segurança para que as reintegrações de posse possam ser executadas, o que não vinha acontecendo. Após Audiência Pública do ano passado, que foi um grande sucesso, pegamos cópia de toda essa documentação e encaminhamos à presidência do Poder Legislativo, como manda o estatuto. Uma cópia foi encaminhada também para o Tribunal de Justiça, num departamento que só mexe com reintegrações de posse que estão e não estão sendo executadas”, contou.
O parlamentar lembrou que esses documentos já chegaram em esfera federal. “Outra cópia dessas já está com a Comissão de Agronegócio Federal, que também só trata desse assunto. As imagens que nós levantamos para a Audiência foram repassadas ao Presidente Bolsonaro, e ele as usa em suas apresentações, o que originou o pedido da GLO – Garantida da Lei e da Ordem – pedida junto ao Congresso Nacional, o que deve facilitar as reintegrações.
O deputado falou dos próximos passos dessa questão. “Com esse relatório pronto, estamos angariando assinaturas para a instauração de uma CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito – afim de apurar irregularidades e acelerar esse processo todo e responsabilizar quem deveria estar trabalhando para as reintegrações e não está. Ainda faltam mais três assinaturas para atingirmos o número mínimo necessário para a formação dessa comissão”, explicou. “Quanto aos trâmites legais, isso sempre é uma burocracia, mas está andando. Temos conversas bem encaminhadas com a secretaria de Segurança Pública do Paraná e tenho certeza que em breve teremos novidades sobre isso”, finalizou.

Texto/Asscom Lee

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *