Litoral tem blitz sanitária educativa a partir deste sábado

Quem seguir para o Litoral do Estado vai passar por blitz sanitária educativa. A ação iniciada neste sábado (26) acontece em três pontos, nas cidades de Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná. Equipes formadas por policiais e bombeiros militares, acadêmicos de Enfermagem e de Educação Física orientam e identificam pessoas com possíveis sintomas da Covid-19.

Os profissionais de saúde fazem a aferição da pressão arterial e a medição da temperatura e, caso haja necessidade de outros cuidados, as pessoas serão encaminhadas às unidades de saúde locais para avaliação mais detalhada.

O secretário estadual da Segurança Pública e coordenador estadual do Verão Consciente 2020/2021, Romulo Marinho Soares, destacou que a prevenção é a melhor arma contra o vírus nesse momento. “Estamos focando nossas ações na orientação, conversando com as pessoas para que saibam como está o Litoral. A Segurança Pública e a Saúde estão em alerta total para cuidar da população e reforçar a importância das medidas sanitárias neste momento”, disse.

O trabalho envolve os profissionais da Secretaria de Estado da Saúde e da Segurança Pública, além da Superintendência do Esporte e da Defesa Civil Estadual. As blitze funcionam nos Postos do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) de Coroados (Guaratuba), Alexandra-Matinhos (Matinhos) e de Pontal do Paraná (PR) para conscientizar sobre os riscos da pandemia.

São 20 acadêmicos de Enfermagem e 20 estudantes de Educação Física, atuando em conjunto com os policiais e bombeiros militares nas abordagens a veículos.

O superintendente do Esporte, Helio Wirbinski, destacou que os estudantes farão o trabalho de conscientização de forma lúdica e atrativa, junto aos demais profissionais envolvidos com a blitz. “Os carros serão parados pelos policiais rodoviários, sem atrapalhar o trânsito. Nós teremos ainda as trupes de circo com estandartes, para levar mais informação, e uma equipe em um ponto da cidade de Morretes”, explicou.

O diretor da 1ª Regional da Saúde, José Carlos de Abreu, explicou que os acadêmicos da área de Enfermagem podem tirar dúvidas da população e, caso haja alguém com sintomas da Covid-19, será feito o encaminhamento para atendimento médico. “Se encontrarem alguém com sintomas, eles farão uma primeira triagem e, se necessário, encaminharão a pessoa para unidades de saúde do Litoral, que estão preparadas para receber esse tipo de caso”, destacou.

Cadetes da Academia Policial Militar do Guatupê estarão nos três postos rodoviários do Litoral, também para reforçar as informações sobre os cuidados com a pandemia.

“As barreiras educativas estão sendo desenvolvidas nos postos da Polícia Rodoviária Estadual aqui no Litoral. Nosso pessoal está fazendo toda a parte de segurança, mobilidade, trânsito, orientação ao usuário, e contamos com apoio dos cadetes da academia do Guatupê nessa segurança e orientação, além do apoio do pessoal da Paraná Turismo e da Secretaria de Estado da Saúde.”, disse o comandante do BPRv, coronel  Wellenton Joserli Selmer.

A Defesa Civil Estadual também apoia as ações e conta com barracas às margens das rodovias, oferecendo suporte logístico aos demais integrantes da ação. “Será um trabalho conjunto em prol de diminuir os índices da doença nesta época do ano, que é muito sensível”, disse o major Daniel Lorenzetto.

As blitze educativas sanitárias devem seguir até o final de dezembro em horários pré-definidos e com abordagem por amostragem. Na Estada da Graciosa também haverá um ponto de fiscalização e orientação. “O Estado está fazendo sua parte em parceria com os municípios, no entanto, o mais importante é a conscientização por parte do cidadão”, destaca o coordenador estadual.

Foto: Verão Consciente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *