Mais uma conquista do esporte na Região.

O Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) aprovou em segunda votação,
durante a sessão ordinária desta terça-feira (03), o projeto de lei de autoria do deputado
Marcio Pacheco (PDT) que inclui a Cascavel de Ouro no Calendário Oficial de Eventos
Turísticos do Paraná. No decorrer dos anos, a competição se tornou um dos mais
tradicionais eventos do autódromo de Cascavel.
A prova teve início na década de 1960 e completa a sua 33ª edição no dia 3 de
novembro deste ano. De acordo com Pacheco, a inclusão da Cascavel de Ouro no
Calendário de Eventos do Paraná é um reconhecimento pelo trabalho realizado pelos
organizadores e competidores da prova.
“A Cascavel de Ouro nasceu para ser grande. Atualmente, é um grande orgulho para os
paranaenses, principalmente para os cascavelenses, que no decorrer dos anos a viram
crescer e se tornar um clássico do automobilismo brasileiro”, afirma o deputado
cascavelense.
A primeira disputa da corrida ocorreu em 15 de novembro de 1967 com a prova 400
Milhas de Cascavel pelas ruas de chão batido da cidade. Em 1970 foi batizada de
Cascavel de Ouro e se tornaria uma das três principais corridas de longa duração do
Brasil – as outras duas eram a Mil Milhas Brasileiras de São Paulo e as 12 Horas de
Tarumã, em Viamão, Região Metropolitana de Porto Alegre.
O evento e o autódromo Internacional Zilmar Beux, de 3.058 metros, deram identidade
ao município, tornando-se famosa no Brasil e América do Sul, em especial na Argentina
e Uruguai. O automobilismo também deu prestígio a Cascavel por sua história de
formação de pilotos e construtores de carros de corrida.
Em todas as edições, a competição sempre atraiu os principais pilotos do Brasil. O mais
famoso deles foi Nelson Piquet, vencedor da edição de 1976. A vitória ajudou a
impulsionar a sua carreira. Piquet deixou o Brasil e foi competir na Europa. Em pouco
tempo, Piquet já estava na Fórmula 1, onde se tornou Tricampeão mundial.
O piloto cascavelense Edgar Favarin é o maior vendedor da Cascavel de Ouro, com sete
vitórias. Em seguida, aparece o também piloto cascavelense Pedro Muffato, com três
vitórias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *