Entrega de computadores do Aprender Digital foi realizado na Mostra de Educação a 10 escolas municipais

asscom da Prefeitura

Entrega de computadores do Aprender Digital foi realizado na Mostra de Educação a 10 escolas municipais

Mostra de Educação 2019 entrou no 2ª dia com a entrega de computadores do Projeto Aprender Digital que, nesta etapa, contemplou 14 alunos de dez escolas municipais, as quais contarão com a ferramenta já a partir de segunda-feira (28).

O Aprender Digital é um projeto da Educação Especial, que surgiu da necessidade de acrescentar recurso de tecnologia assistiva em sala de aula, ou seja, um computador com tela touch screen, por meio do qual as crianças com necessidades especiais utilizam o recurso no processo de ensino aprendizagem. Ele foi criado em 2018 pela terapeuta educacional Alexandra Ferreira Carli Eler, junto com as pedagogas especializadas em Educação Especial que orientam o professor de apoio pedagógico e acompanham o desenvolvimento dos alunos em sala de aula Ivone Novo e Marilene Toledo e pelo instrutor de informática, João Clóvis. O projeto passou a ser implantado nas escolas onde há educação especial este ano, por meio do Decreto nº 14.981, de 23 de agosto de 2019.

Na abertura, os criadores foram homenageados pelo prefeito Leonaldo Paranhos e pela secretária de Educação, Márcia Baldini devido ao projeto ter rendido ao Município de Cascavel, este ano, o Prêmio Gestor Público Paraná na categoria educação especial, durante a 7ª edição da honraria, uma iniciativa do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná que visa incentivar e premiar boas práticas da gestão pública municipal.

“Estive em Curitiba para receber o reconhecimento, mas quem faz o projeto acontecer são vocês”, disse aos professores e os pais, que são parceiros indispensáveis na concretização do programa. “Então quero que esta placa fique uma semana em cada escola que participa do programa e que seja feita uma cópia fiel para que um receba e tenha em mãos esta homenagem”, compartilhou Paranhos o reconhecimento que foi entregue no dia 12 de novembro na Assembleia Legislativa do Paraná.

O Aprender Digital é destinado a alunos que apresentam dificuldade de coordenação motora fina e controle motor para estabelecer a escrita e alunos que não apresentam comunicação verbal, que necessitam de comunicação alternativa para auxiliar nas atividades escolares, dentre eles alunos diagnosticados com transtorno do espectro autista e deficiência física e neuromotora.

“É um projeto maravilhoso, que subsidia o aluno e o professor de apoio pedagógico no processo de alfabetização por meio de atividades pedagógicas, jogos escolares, entre outras atividades lúdicas e educativas, que são trabalhadas em sala de aula, desenvolvidas no computador e programadas pela equipe responsável pelo projeto. Os pais e a família têm participação importante nesta tarefa, pois também estimulam o desenvolvimento da criança”, enfatizou a secretária Márcia.

Investimento

O custo de cada computador de tela touch é de R$ 4,5 mil. O investimento neste ano de 2019 totalizará R$ 67,5 mil. Além do computador, também faz parte do projeto a mesa adaptada,  que é confeccionada pela fábrica de móveis escolares da Secretaria de Educação.

Nesta etapa do projeto, foram contemplados 14 alunos das escolas municipais Diva Vidal; Dulce P.P. Tavares; Hermes Vezzaro; Inglacr Farina; Luiz Vianey Pereira; Maria Q. de Araújo; Mário Pimentel de Camargo; Nossa Senhora da Salete; Professor Ademir Correa Barbosa e Terezinha Picoli Cezarotto.

Robótica Educacional

Também nesta manhã o prefeito compartilhou o prêmio de Prefeito Inovador 2019 na categoria tecnologia educacional recebido ontem (21) durante o 7ª Congresso de Digitais que terminou hoje na Fundetec/Agrotec, pelo projeto de Robótica Educaional. Foram homenageados os instrutores de informática que atuam com os alunos em 18 escolas da rede. Ele também anunciou a ampliação do programa, com investimentos de R$ 400 mil.

Gestão da Escola – Teoria e Prática

A organização e gestão da escola – teoria e prática é o tema da palestra de hoje, nos dois períodos, no Anfiteatro Emir Sfair, conduzida pelo renomado educador José Carlos Libâneo, dirigida a diretores, coordenadores pedagógicos, professores de educação infantil, monitores, agentes de apoio e estagiários de Cmeis.

Show de talentos

As crianças das escolas municipais e Cmeis estão encantando quem participa da Mostra de Educação. No palco principal no Centro de Convenções e Eventos e nas aberturas das atividades no Anfiteatro Emir Sfair, os alunos mostram que têm talento para a música, a dança, a capoeira e as demais atividades artísticas aprendidas no meio escolar. O público vibra e se emociona.

Oficinas e palestras

Ainda na programação de hoje, estão em andamento oficinas e palestras diversas nos miniauditórios I, II e III.

Contador de Histórias

Esta noite, a partir das 19 horas, tem início o tradicional e esperado “Contador de Histórias”, além da premiação do Concurso de Artes Visuais “Caminho Verde”.

Sábado (23)

O encerramento da Mostra será neste sábado (23). Neste dia os trabalhos iniciam às 14 horas. Na área de exposição do evento, além da visitação aos estandes, será possível conferir competições de robótica; já no Anfiteatro Emir Sfair, será realizado o último dia do “Contador de Histórias” e a premiação do recente concurso de Receitas Saudáveis da Alimentação Escolar.

Também haverá a entrega de placas para as escolas e Cmeis que participaram da Mostra neste ano de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *