Coudet é apresentado e projeta: ‘Não vai faltar trabalho, não vai faltar raça’

 Mariana Capra

Novo técnico colorado, Eduardo Coudet foi oficialmente apresentado no final da manhã desta quinta-feira (19/12). Em entrevista coletiva concedida na sala de coletivas do Beira-Rio, ‘Chacho’, apelido do argentino que assinou contrato com o Inter até o final de 2021, agradeceu a grande festa da torcida colorada na noite de ontem, quando desembarcou em Porto Alegre, e projetou: “buscaremos retribuir todo o carinho da torcida. Podem ter certeza: não vai faltar trabalho, não vai faltar raça”.

Iniciada por volta das 11h30, a entrevista foi aberta pelo presidente Marcelo Medeiros, que deu as boas-vindas ao técnico, destacando o currículo de recentes conquistas do argentino e a intensidade que serve de grande marco para seus trabalhos. Na sequência, Alessandro Barcellos, vice-presidente de Futebol, definiu a contratação como uma “convicção” do departamento, afirmação corroborada por Rodrigo Caetano, que apresentou, também, Ariel Broggi, auxiliar, Octavio Manera e Guido Cretari, preparadores físicos, e Carlos Fernández, analista de desempenho, membros da comissão que chega ao Clube do Povo junto de Coudet.

Após o diretor-executivo, foi exatamente ‘Chacho’ quem falou, projetando o ano que está por vir e ressaltando a expectativa em trabalhar no Colorado gaúcho. Encerrada a coletiva, o novo comandante conheceu as instalações do Gigante, passando por túnel, vestiários e, é claro, gramado do Gigante, onde ficou encantando com a beleza do Beira-Rio.

Marcelo Medeiros

“É com grande satisfação que estamos aqui hoje para apresentar Eduardo ‘Chacho’ Coudet como comandante do futebol do Inter para os próximos dois anos. Não preciso falar de histórico e currículo de Coudet, da grandeza e de sua compreensão sobre futebol. Trata-se de um profissional que tem várias virtudes, como a velocidade com que seus times desempenham futebol dentro de campo, e a forma intensa como se entrega ao trabalho. Tenho certeza que estas duas características servirão de principal identificação com nossa torcida. Seja bem-vindo!”

Alessandro Barcellos

“A contratação do Coudet é a conviccção de um trabalho, da busca por um um time competitivo e intenso. Nosso papel aqui vai ser dar condições aos profissionais para que executem seu trabalho com a qualidade que nossa torcida espera.”

Rodrigo Caetano

“O Internacional mira o bem da instituição. Junto com ‘Chacho’ chegam dois preparadores físicos, um assistente técnico e um analista de desempenho. Esta é a comissão técnica que vem junto de Coudet.”

“Existe nossa intenção de oferecer ao ‘Chacho’ a melhor equipe possível, sabendo de sua capacidade de potencializar jogadores e elenco que aqui já temos.”

“Eduardo já vem participando do nosso planejamento para o próximo do ano, o que será intensificado a partir de sua chegada ao Inter. Sem dúvida nenhuma, Coudet fez a melhor escolha. E o Internacional também. Que esse casamento seja frutífero, quem sabe até ultrapassando o prazo estabelecido.”

Eduardo Coudet

“Por conta do calendário, temos que nos adaptar o mais rápido possível, realizando uma preparação dinâmica, intensa. Sei que os jogadores captarão nossa ideia rapidamente. Estamos aptos para chegar em boas condições à abertura da temporada.”

“O Inter e sua torcida merecem uma equipe competitiva, que os identifique dentro de campo. Escolhi o Clube por ser apaixonante, é o tipo de lugar em que me sinto bem para trabalhar. Gosto desta linda loucura do torcedor, que vive e defende as cores de sua camiseta.”

“Sempre gostei de estudar todas as equipes, o Inter não era exceção. Conheço os jogadores, e penso que o Clube tem um bom elenco. O que espero, agora, é uma equipe que lute por todas as bolas, da primeira à última, sem deixar de jogar um bom futebol.”

“O sistema de jogo se adapta ao momento dos jogadores. Um time é armado a partir do que se pode tirar de melhor dele. Sempre tento ser o mais justo possível para escalar e montar a equipe. Dentro de campo, seremos intensos, competitivos.”

“No sul do Brasil o futebol tem, sim, semelhanças ao argentino. Mas existem diferenças. Principalmente na velocidade do jogo, que aqui é mais corrido, e no calendário. Tudo isso estamos estudando, sabendo que maior do que qualquer mudança é a qualidade do nosso elenco.”

“Foi uma linda surpresa a recepção. Compartilho da expectativa e do sentimento da torcida. E, dentro de campo, retribuiremos todo o carinho. Podem ter certeza: não vai faltar trabalho, não vai faltar raça.”

“É enorme a motivação em trabalhar no melhor futebol do mundo, em uma instituição apaixonante. Vamos retribuir isto dentro de campo. A torcida será grande protagonista. Precisamos deles, juntos, em todos os sentidos. Assim, honraremos a história do Inter.”

Ficha do treinador

Nome: Eduardo Germán Coudet

Data Nascimento: 12/09/1974

Carreira como técnico

2015 | Rosário Central (ARG)

2017 | Tijuana (MEX)

2018 | Racing (ARG)

Conquistas

2019 | Campeonato Argentino

2019 | Troféu dos Campeões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *