Corinthians estreia hoje na Copinha; confira algumas curiosidades desta história vitoriosa

Foto: Rodrigo Gazzanel/ Ag. Corinthians

Timão enfrenta o Retrô-PE, às 21h30, na primeira partida embusca da 11ª conquista da competição

Na noite desta sexta-feira (03), às 21h30, o Corinthians entra em campo contra o Retro-PE na estreia da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a tradicional Copinha. Este ano o Timão jogará a primeira fase em Franca, no estádio José Lancha Filho, popularmente conhecido como Lanchão.

O Alvinegro é o maior campeão da história da competição, com 10 títulos. Além das voltas olímpicas, foi no torneio onde muitas revelações do Timão apareceram para a torcida. Confira algumas curiosidades desta história vitoriosa do Coringão na Copinha.

Estreia com o pé direito

A primeira edição da Copinha foi realizada em 1969. O torneio foi organizado pelas Secretarias de Bem Estar Social e o Departamento Municipal de Esportes e comemorava o 415º aniversário da cidade. Neste ano apenas clubes paulistas participaram da competição.

Se hoje estamos acostumados a ver o Pacaembu como palco da grande final, há 50 anos ainda não era assim. Todos os jogos aconteceram no Centro Educacional e Esportivo Vicente Ítalo Feola, campo que ainda existe na capital.

O Timão apresentou grande desempenho na semifinal ao vencer o Juventus-SP por 4 a 1. Na grande final, o Alvinegro bateu o Nacional-SP por 1 a 0 e foi campeão do torneio.

Recordes na competição

Além de ser o maior campeão do torneio, o Timão detém mais dois recordes na competição. O Alvinegro é a equipe que mais disputou finais de Copa SP, com 18 decisões. Além disso, o Corinthians é a equipe que mais disputou finais seguidas, de 2014 a 2017.

O sucesso do Corinthians na competição fica claro quando analisamos a última década. De 2009 para cá o Timão disputou cinco de dez finais.

Rivais nas decisões

Nos dez títulos do Timão, sete vezes a final foi disputada contra rivais do estado de São Paulo. O Corinthians venceu duas vezes o Nacional-SP (1969 e 2005), e uma vez Palmeiras (1970), Ponte Preta (1995), São Paulo (2004), Botafogo-SP (2015) e Batatais (2017).

Além dos rivais paulistas, o Alvinegro venceu o Vasco (1999), o Athletico (2009) e o Fluminense (2012).

Campeão em mais de um estádio

A grande decisão no Pacaembu é uma marca registrada da Copinha. Porém, o Corinthians já foi campeão em outros dois estádios da capital. As duas primeiras edições, em 1969 e 1970, foram realizadas no Centro Educacional e Esportivo Vicente Ítalo Feola.

Em 1995, o Timão bateu a Ponte Preta por 1 a 0 e foi campeão da Copinha pela terceira vez. A decisão naquele ano foi realizada no Canindé, tradicional estádio paulistano.

Campeões na base e no Profissional

Durante a trajetória do Corinthians na Copinha, muitos jogadores foram revelados pelo Timãozinho. Muitos campeões do torneio seguiram carreira no profissional do Timão e outros clubes do mundo.

Guilherme Arana, Zé Elias, Edu, Júlio César, Betão, Jô, Ewerthon, Gil, Kléber e muitos outros jogadores foram campeões tanto da Copinha quanto de títulos profissionais com a camisa do Timão.

Campeão da Copinha e do Mundial

Alguns atletas corinthianos realizaram a façanha de ser campeões da Copa São Paulo e do Mundial de Clubes com a camisa do Timão. Em 1999, Kléber, Índio, Edu, Fernando Baiano foram campeões do torneio de base e no ano seguinte conquistaram o Mundial de Clubes da FIFA com a camisa alvinegra.

 Próximas partidas em 2020

Além da partida de estreia na Copinha 2020, o Timão faz mais duas partidas na primeira fase do torneio: Na segunda-feira (06), às 21h30, o Alvinegro encara o  Fluminense-PI e na quinta-feira (09), o Corinthians enfrenta a Francana, às 19h15, pela última rodada da fase de grupos da Copa São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *