Cascavel Avança: Fomento e Emprego a Agricultura também ganha ênfase durante o encerramento

Foto: Afonso Magalhães

Cascavel Avança: Fomento e Emprego a Agricultura também ganha ênfase durante o encerramento

O interior também foi lembrado durante a semana Cascavel Avança Fomento e Emprego, encerrada na tarde do dia (22) no Auditório da Prefeitura e comemorativa aos 68 anos do Município. Dentre tantas ações realizadas, o prefeito Leonaldo Paranhos, junto com o secretário de Agricultura, Nei Haveroth, assinaram a autorização para licitação de mais um trecho de implantação de asfalto em estrada rural, dando continuidade ao convênio em andamento com a Itaipu Binacional.

“Trata-se de mais um trecho em Rio do Salto, completando 30 km que estão em obras. É quase um sonho que estamos tornando realidade, uma mudança de paradigmas, pois muitos duvidaram que iríamos implantar asfalto no interior e já levamos 25 km, agora são mais 5km, provando sim que é possível mudar a realidade”, disse Haveroth.

A licitação tem valor de R$ 423.862,00, com prazo de execução de 90 dias após a assinatura da ordem de serviço. “Vamos chegar a 100 km de estradas pavimentadas e mais de 200 recuperadas, isso se não acontecer mais novidade para que possamos ampliar ainda mais esta meta”, anunciou o prefeito.

Certificação Sisbi impulsiona mais duas indústrias

Durante o ato foi entregue a certificação do Sisbi ao Entreposto de Carnes Imperatriz Grill Indústria e Comércio de Carnes – Eirelli, que está sediado no Distrito de Sede Alvorada e ao Frigorífico de Pescados Marmentini, da comunidade de Centralito.

O empresário Jaime Luiz Casagrande, do Imperatriz, enfatizou que a indústria tem capacidade para cortes de 45 bovinos, 60 suínos, 30 ovinos e caprinos e industrializa cerca de 183 cortes de carnes de diferentes espécies numa área construída de 200 m². O entreposto aderiu ao Sisbi em 10 de outubro de 2019 e está habilitado pela Portaria Federal nº 228/2011 para comercializar os produtos em todo o Brasil. O investimento na reforma do local foi de R$ 200.000,00. Com isso, passa a gerar dez empregos diretos.

“A Prefeitura de Cascavel, por meio da Secretaria de Agricultura, realizou a pavimentação das estradas de acesso ao estabelecimento, evitando assim a formação de poeira e barro nas áreas de circulação”, informou.

O proprietário do Frigorífico Marmentini, Cleones Marmentini, disse que investiu R$ 3 milhões na construção de uma área de 1,5 mil m², incrementando a cadeia produtiva de peixes do Município. A capacidade é para abate de 15 toneladas por dia, gerando 70 empregos diretos.

O Município, por meio da Secretaria de Agricultura, vem desenvolvendo um programa pioneiro de fomento e desenvolvimento da piscicultura, disponibilizando técnicos para orientação aos produtores e horas máquina para abertura de tanques para a produção de peixes. “Além disso, o serviço de inspeção municipal viabilizou em tempo recorde para a implantação e a adesão do frigorífico ao Sisbi, o que possibilita a comercialização da produção industrializada para todo o Brasil”, lembra o proprietário.

A Seagri ainda promoveu recentemente a pavimentação do acesso, desde a BR-277 até o frigorífico.

Cascavel é referência no Estado e no Brasil por ser o primeiro do Estado a conceder, desde 2011, a adesão aos Sisbi. Com esta certificação, a indústria o produto inspecionado pode ser  comercializado em todo o território nacional.

Agrivel também recebe caminhão

Fundada há dez anos, a Agrivel também foi beneficiada hoje durante o ato realizado no Auditório. A Associação dos Agricultores Familiares de Cascavel, que produz e entrega produtos para o PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar) a escolas mantidas pelo Estado e Município recebeu um caminhão 4×2 com furgão frigorífico (isotérmico/refrigerado) com recursos do Ministério da Agricultura, com emenda parlamentar do deputado Evandro Roman, sendo o o valor total de R$ 240.000,00 (governo federal R$ 233.463,80 e  contrapartida municipal de R$ 6.536,20).

Segundo o presidente da Agrivel, Elpídio Maculam, a Agrivel, que nasceu de um trabalho realizado pelo Instituto Emater e pela Seagri,  para atender as vendas de produtos para a merenda escolar, a associação tem se fortalecido para incentivar os produtores do nosso Município e fomentar a economia local. “Os agricultores estão conseguindo manter a qualidade dos produtos; temos percebido o interesse dos agricultores em se aprimorar cada vez mais”.

Atualmente os produtores produzem uma grande diversidade de produtos para a merenda, desde verduras, legumes, leite, queijo, iogurte, doces, geleias, conservas, salames e embutidos, bebidas artesanais, molhos e condimentos, mel, massas, pão, cucas, bolachas, carnes, em especial frango caipira. Todos esses produtos  de origem animal são inspecionados pelo Serviço de Inspeção de produtos de origem animal da Seagri.

O veículo entregue contribuiu com a melhoria da qualidade de vida dos agricultores, dando suporte ao processo de transporte para comercialização dos produtos. Hoje a Agrivel conta com 325 agricultores associados no Município de Cascavel.

Queijo de Sede Alvorada é reconhecido nacionalmente

Durante o ato também foram homenageados produtores de queijo do Paraná que foram premiados em concurso nacional realizado em Santa Catarina no 5º Prêmio Queijo Brasil. As produtoras de queijo colonial Eliane Cappelleso e Márcia Ludwig, do Distrito de Sede Alvorada, que possuem registro no serviço de inspeção no Município de Cascavel, foram premiadas com medalha de bronze no concurso realizado em 20 de setembro em Florianópolis-SC.

Este concurso é considerado o maior e mais importante do gênero do País e contou com a participação de 711 queijos de todo o Brasil. Os produtores de queijo do Município receberam orientação e o controle sanitário da Secretaria de Agricultura por meio do Serviço de Inspeção. Eles contam também com a assistência dos técnicos da Emater.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *