Cascavel aplicou 8.308 doses de vacina contra a covid-19

Prefeitura de Cascavel investiga novos casos de fura-fila
A Secretaria Municipal da Saúde (Sesau) de Cascavel aplicou, até segunda-feira (01/02), 8.308 doses da vacina que imuniza contra o novo coronavírus. Novas denúncias foram verificadas e até o momento três casos de fura-fila foram constatados.
A Sesau informa que a primeira irregularidade registrada na semana passada envolveu uma servidora da secretaria de Esportes que foi exonerada e uma servidora da Sesau que responderá processo administrativo disciplinar. Outro caso trata de imunização realizada na UPA. O processo inicial apurou que o funcionário não atuava em serviços públicos de saúde, ou seja não pertence ao grupo prioritário que tem direito ao imunizante. O acusado foi denunciado ao Ministério Público e também responderá a processo disciplinar no município.
A terceira irregularidade trata de uma pessoa que recebeu a vacina dentro de instituição privada, porém sem atuar no serviço de saúde, ou seja não estava apto a ser vacinado. O caso também já foi remetido à promotoria.
A funcionária pública da Sesau que aplicou as vacinas nos servidores públicos no dois casos é a mesma, e já está afastada da Central de Vacinas. O secretário de Saúde de Cascavel, Thiago Stefanello reforça que a prefeitura não vai tolerar qualquer privilégio ou irregularidade no Plano Municipal de Vacina e que segue as determinações do Governo Federal.
A secretaria lembra que nenhum morador deve procurar os serviços de saúde em busca da vacina. O público alvo está sendo convocado de acordo com o Plano Municipal de Vacinação.
A primeira fase de vacinação em Cascavel começou no dia 20 de janeiro. Já receberam a vacina pessoas com mais de 60 anos que moram em abrigos, os funcionários dessas instituições, idosos com mais de 80 anos que são acamados e continuam ser vacinados os profissionais da saúde (rede pública e privada).
Familiares que têm idosos com mais de 80 anos acamados, e que ainda não foram vacinados, devem procurar a UBS mais próxima e fazer o pedido de vacinação.

Fonte/Asscom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *